Como diminuir os pequenos lábios naturalmente?

Início/Lábios Vaginais/Como diminuir os pequenos lábios naturalmente?

Como diminuir os pequenos lábios naturalmente?

Muitas mulheres desejam saber como diminuir os pequenos lábios naturalmente. O excesso de pele na vagina é um incômodo e, na maioria das vezes, causa insatisfação com a estética da região íntima. Sabe-se que esse fato interfere na autoestima, motivo pelo qual é preciso dar a devida atenção ao problema. Saiba mais sobre o assunto e entenda sobre a diminuição pequenos lábios.

Como diminuir os pequenos lábios naturalmente?

O excesso de pele pode causar muito desconforto para a mulher. Quando se deseja saber como diminuir os pequenos lábios naturalmente, há um intuito que ultrapassa a estética.

Esse desenvolvimento desproporcional ou assimétrico da região, que pode se dar por alterações hormonais, provoca dores, flacidez, constrangimento, desconforto e ruídos indesejados durante a relação sexual, diminuição da libido e do prazer sexual, baixa autoestima e insegurança.

Porém, não há como diminuir os pequenos lábios naturalmente ou com iniciativas caseiras. O excesso de pele deve ser retirado por meio da ninfoplastia ou labioplastia, cirurgia íntima que pode ser realizada com bisturi, alta freqüência ou laser.

Qual a importância da avaliação médica?

O principal motivo para passar por uma avaliação médica não é para saber como diminuir os pequenos lábios naturalmente. Até porque isso é impossível. A consulta com um especialista é, na verdade, uma forma de a mulher entender os motivos pelos quais quer se submeter ao procedimento de retirada do excesso de pele.

Como dissemos anteriormente, é preciso saber como a hipertrofia ou assimetria dos lábios vaginais afeta a saúde da mulher para concluir se o procedimento é realmente necessário. Veja algumas situações que fundamentam o tratamento:

  • Volume aumentado na região íntima, o que causa desconforto ou vergonha ao usar biquínis ou roupas justas;
  • Desconforto nas relações sexuais, uma vez que os pequenos lábios podem atrapalhar a penetração, causando mais atrito do que deveria;
  • Infecções vaginais de repetição e cistites recorrentes.

Quando a paciente apresenta esses sintomas, o médico normalmente indica a cirurgia íntima como forma de tratamento.

Devo realizar ninfoplastia por estética?

Essa resposta é extremamente particular, porque toda mulher tem a liberdade de dispor do seu corpo inclusive esteticamente. O que se deve ressaltar, porém, é que cada uma de nós possui uma aparência específica da vulva, o que é natural. Não existe um padrão da região íntima feminina, pelo contrário.

Vivemos em uma época de crescente empoderamento feminino, que trabalha em prol da autoaceitação e da autoafirmação, inclusive quanto ao nosso corpo. Cada mulher é única e deve se orgulhar de quem é, buscando o melhor para sua saúde física e psicológica.

Portanto, você só deve realizar a ninfoplastia se desejar, tendo consciência do que é importante para sua saúde. A partir do momento em que a mulher tem conhecimento do que é o procedimento e dos motivos que a levam a realizá-lo, basta ter auxílio médico.

Por fim, lembre-se que o corpo sofre mudanças com a idade, e isso inclui a região íntima. Portanto, jamais acredite que ter lábios vaginais assimétricos é anormal. Pelo contrário, é o curso natural da vida.

Não há como diminuir os pequenos lábios naturalmente, mas há procedimentos que podem ser feitos para isso. Antes de realizar qualquer intervenção, lembre-se de que somente você, com auxílio médico, sabe se o tratamento lhe fará bem. Aceite seu corpo e cuide de sua saúde física e psicológica.

Saiba como a tecnologia a laser pode ser uma aliada na busca por mais qualidade de vida tratando a hipertrofia dos lábios e outros sintomas íntimos.

Dra. Valéria do Lago Pareja Guerra

Dra. Valéria do Lago Pareja Guerra

A ginecologista Valéria do Lago Pareja Guerra atua na Clínica Valéria Guerra, que fica em Dourados, MS. Seu contato é (67) 3422-3703. Também é possível entrar em contato pelo celular ou Whatsapp no número (67) 99972 1216.
Ela oferece o tratamento íntimo com LASER ATHENA.

Sua formação inclui:

- Medicina pela Faculdade Evangélica de Medicina do Paraná
- Residência Médica em Ginecologia e Obstetrícia pelo Hospital de Clínicas da Universidade Federal do Paraná
- Titulo de especialização em Ginecologia e Obstetrícia - Mato Grosso do Sul
- Formação em Videolaparoscopia Ginecológica
- Pós-graduação em Medicina Estética pela Fundação de Apoio a Pesquisa e Ensino em parceria com a Faculdade de Ciências de São Paulo FAPES/ FACIS
- Docente do Curso Médico de Cosmetoginecologia Gynelaser - Brasília DF
Dra. Valéria do Lago Pareja Guerra

Últimos posts por Dra. Valéria do Lago Pareja Guerra (exibir todos)

Deixar Um Comentário