Como melhorar a secura vaginal?

Início/Ressecamento Vaginal/Como melhorar a secura vaginal?

Como melhorar a secura vaginal?

O ressecamento vaginal é um problema comum, que acomete mulheres de todas as idades por diversos motivos, apesar de ser mais comum àquelas que estão na menopausa. A diminuição dos fluidos líquidos na vagina causa desconforto, coceira, ardência, dor durante as relações sexuais. Mas existem formas de melhorar a secura vaginal. Se você ainda não sabe quais são, o post de hoje é perfeito para você!

Causas da secura vaginal

A secura vaginal está relacionada principalmente aos distúrbios hormonais. A queda do estrogênio devido à menopausa ou no período pós-parto causa um desequilíbrio na lubrificação vaginal. Mas as alterações nos níveis dos hormônios não é a única causa.

O estresse, acompanhado de ansiedade, cansaço e medo, também prejudica a lubrificação das paredes vaginais. No mesmo sentido, alguns medicamentos (antidepressivos, anti-acne, vasoconstritores, anti-hipertensivos, anti-histamínicos e anticoncepcionais) provocam tal efeito.

Há ainda causas menos comuns para o ressecamento, como higiene íntima excessiva, infecções vaginais, ausência ou escassez de relações sexuais, dentre outras.

E como melhorar a secura vaginal?

Tratamentos para melhorar a secura vaginal

Alimentos e suplementos alimentares

Uma alimentação equilibrada é fundamental para melhorar a secura vaginal. Algumas vitaminas e alimentos ajudam na lubrificação, mas seu consumo deve ser orientado por um profissional. Veja quais:

  • Vitamina E: aumenta a quantidade de sangue nas paredes vaginais e a lubrificação local. Pode ser encontrada em frutas secas, óleos vegetais, cereais integrais;
  • Vitamina D: reduz o pH da vagina e alivia a secura associada ao aumento do pH, e pode ser encontrada no salmão ou na sardinha;
  • Maca (planta): aumenta a quantidade de estrogênios no corpo.
  • Fitoestrogênios: possuem substâncias semelhantes ao estrogênio. Linhaça, inhame, tofu, soja e cevada são alguns exemplos.

Terapia de reposição hormonal

Outra forma de melhorar a secura vaginal é equilibrar os hormônios. A terapia de reposição hormonal, portanto, pode ser uma boa saída para as mulheres que não tem contraindicação a esse tratamento. O uso de estrogênios sob a forma de cremes (aplicação local), pílula, supositórios ou gel é muito comum.

Hidratantes vaginais

Se o problema é lubrificação, os cremes são ótimas opções de tratamento. Os cremes hidratantes vaginais aliviam os sintomas sem utilizar hormônios e sem efeitos colaterais. Eles criam uma camada protetora e lubrificante da flora vaginal. Há também os cremes com baixa dose de estradiol, que provoca o efeito do estrogênio, estimulando a lubrificação natural.

Laser íntimo

Muitas mulheres têm preferência por não adotarem a terapia de reposição hormonal. Outras, não têm disciplina para aplicar os hidratantes vaginais diariamente. Para esses casos, ainda existe uma opção para melhorar a secura vaginal: o laser íntimo.

Esse tratamento está sendo cada dia mais utilizado, uma vez que recupera a espessura, a elasticidade e a umidade da vagina, estimulando a produção de colágeno e aumentando a vascularização local. Ele não gera desconforto para a mulher, é indolor, e os resultados são percebidos de forma rápida.

Para melhorar a secura vaginal, há muitos tipos de tratamento. Como o ressecamento possui várias causas, é importante consultar seu médico para que ele indique a melhor forma de combater o problema. E se você quer acompanhar mais informações sobre a sua saúde íntima, acompanhe nosso Instagram!

Dra. Valéria do Lago Pareja Guerra

Dra. Valéria do Lago Pareja Guerra

A ginecologista Valéria do Lago Pareja Guerra atua na Clínica Valéria Guerra, que fica em Dourados, MS. Seu contato é (67) 3422-3703. Também é possível entrar em contato pelo celular ou Whatsapp no número (67) 99972 1216.
Ela oferece o tratamento íntimo com LASER ATHENA.

Sua formação inclui:

- Medicina pela Faculdade Evangélica de Medicina do Paraná
- Residência Médica em Ginecologia e Obstetrícia pelo Hospital de Clínicas da Universidade Federal do Paraná
- Titulo de especialização em Ginecologia e Obstetrícia - Mato Grosso do Sul
- Formação em Videolaparoscopia Ginecológica
- Pós-graduação em Medicina Estética pela Fundação de Apoio a Pesquisa e Ensino em parceria com a Faculdade de Ciências de São Paulo FAPES/ FACIS
- Docente do Curso Médico de Cosmetoginecologia Gynelaser - Brasília DF
Dra. Valéria do Lago Pareja Guerra

Últimos posts por Dra. Valéria do Lago Pareja Guerra (exibir todos)

Deixar Um Comentário